A Cabana de Lysis de Crótona (discípulo de Pitágoras)

Periódico: Novo Horizonte

Rio de Janeiro, n.1, Janeiro de 1932


A Cabana de Lysis

Cabana de Lysis é o grupo espírita que, sob a égide de Lysis de Crótona, funciona à rua Licínio Cardoso nº259, nesta cidade. É uma dependência do prédio em que reside com sua exma. Família o Cel. de nosso exército Dr. Barros Fournier, seu diretor.

Lysis de Crótona, de quem se deu o nome ao grupo, é o patrono espiritual, o seu guia e protetor; foi um filósofo da antiguidade, discípulo de confiança de Pitágoras, que viveu dos anos 490 a 560 antes de Cristo. Era membro da Confraria de Crótona, e como bom intérprete da sabedoria do mestre, compôs os “Versos de Ouro”, códice filosófico de máximas, que sintetiza toda a doutrina pitagórica.

Sua escola sociológica foi, pois, a desse pensador de quem fizeram uma espécie de mago ou semideus, e de cuja doutrina se fez uma religião nova, em face da qual a entidade suprema do universo era o número Um, o Deus único, de que promanam todas as coisas, como desse número resultam todos os números, que se desdobram ao infinito.

Foi essa uma doutrina revolucionária para aquela época de obscurantismo caótico em que se cultuava o politeísmo às soltas; foi o primeiro grito de alarma desferido contra o paganismo, o primeiro movimento filosófico que se fazia sentir na concretização dos mandamentos da lei de Deus, fixados por Moisés no Decálogo, que a humanidade não soube, ou não quisera interpretar, e só a demonstração prática de Jesus, o Cristo, tornou efetivos, dando a sua vida em holocausto pela redenção humana.

Lysis de Crótona, o nosso guia, seguindo as pegadas de Pitágoras, foi assim um dos predecessores que tentaram desbravar o caminho por onde mais tarde devia caminhar Jesus em sua campanha sem par pela igualdade, liberdade e fraternidade, que os revolucionários de 89 tentaram implantar pela imposição dos Direitos do Homem, ainda uma vez depois disso postergados pela egolatria das castas.

Nós, porém, os da Cabana de Lysis, se não temos forças para reivindicar tais direitos em prol da humanidade, fazemos como os demais irmãos em crença, nos enfileirando ao lado daqueles que combatem na campanha da boa vontade, convencidos de que o melhor meio para isso é dar a maior publicidade possível aos conselhos luminosos e lições das coisas, que nos vem do Além como advertências amigas daqueles que, embora livres do peso da matéria, não se furtam à lei fatal da coesão, e por isso mesmo, almas generosas que são, nos vêm trazer a sugestão e o estímulo para a prática das boas ações.

Eles são os nossos guias inspirados, protetores esclarecidos que colaboram com Lysis de Crótona na obra construtora de nossa formação moral, e por isso queremos transmitir ao público, repartir com os nossos parceiros na nossa tarefa desta vida, a joia preciosa dos ensinamentos sadios, que eles em sua sabedoria emancipada nos vem ministrando, de certo, para serem difundidos em benefício social.

A Cabana de Lysis, portanto, publicando-os em forma de fascículos, para a formação de vários volumes de filosofia e ciência, aconselha seus leitores a colecioná-los em séries que serão, quando completa cada uma, por esta redação indicadas, a fim de que possam os nossos irmãos e leitores encaderná-las como obra que devemos ter em nossa estante para deleite intelectual e conforto espiritual dos que anseiam pelo conhecimento da verdade pura.


PARA VER O DOCUMENTO ORIGINAL DIGITALIZADO, CLIQUE AQUI


NOTA DO ARQUIVO ESPÍRITA: A imagem no início da página é uma representação de Pitágoras e seus discípulos, e é apenas ilustrativa. Evidentemente, ela não faz parte do documento original.


O ARQUIVOESPIRITA.ORG é um repositório digital de documentos relativos à história do espiritismo.  

Caso tenha algum documento antigo que tenha relação com o espiritismo, por favor entre em contato conosco pelo e-mail arquivoespirita@gmx.com , ou por nossa página no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *