3. (Paris, 26 de maio de 1850 – Médium Mlle Huet)

3. (Paris, 26 de maio de 1850 – Médium Mlle Huet)

A paz do Senhor seja convosco!

É preciso obrar com prudência e sabedoria, para sustentar uma certa influência sobre os Espíritos, para não lançar nossa ciência ao primeiro que chega, que pode ser indigno dela; e é preciso exercer um verdadeiro sacerdócio, que trará adeptos para nossa doutrina.

Não digo que seja preciso rejeitar todos os homens em geral, porque há almas muito dignas de praticar vosso culto; mas digo que é necessário ser prudente, porque há homens, que o profanariam; e estes nada devem ver: seus olhos curiosos são sacrílegos.

Estudai na sombra; não receeis falar de vossas experiências a vossos amigos, e àqueles que têm sede de crença religiosa: iniciai estes antes de os receber em vosso santuário.

Para uma doutrina nova, necessário se faz um catecismo novo, e um formulário, que os prosélitos possam estudar.

Trabalhai por formar uma sociedade religiosa bem instruída; desta arte progredireis na perfeição.

Tereis invejosos e maus; mas quem não os tem neste vale de lágrimas? Deus os envia para fazer adquirir a paciência, que é uma bela virtude aos olhos dAquele, que nesta terra tanto sofreu; acrescentai ainda a humildade, a caridade, e vos aproximais da Divindade.

Os maus Espíritos não prevalecerão sobre os bons; mas afastai de vós os homens, que podem vo-los trazer, e, como disse o Mestre – sacudi o pó, que suas sandálias deixaram em vossa casa.

Meus amigos, este ensino tinha de dar-vos esta tarde; refleti nas palavras, que vos acabo de ditar – meditai-as. Adeus.

Padre Constâncio


PARA VER O DOCUMENTO ORIGINAL DIGITALIZADO, CLIQUE AQUI


O ARQUIVOESPIRITA.ORG é um repositório digital de documentos relativos à história do espiritismo.  

Caso tenha algum documento antigo que tenha relação com o espiritismo, por favor entre em contato conosco pelo e-mail arquivoespirita@gmx.com , ou por nossa página no Facebook.